Audiência ri quando pequeno rapaz rouba um beijo mas a performance rapidamente sofre uma reviravolta e deixa toda a gente emocionada

A patinagem no gelo é uma habilidade que muitas pessoas não conseguem dominar. Não só é preciso descobrir como equilibrar todo o corpo em duas pequenas lâminas de metal, como também girar sem escorregar e cair no gelo! Essa é uma das razões pelas quais as crianças são naturais em patinagem no gelo: o seu centro de gravidade inferior dá-lhes uma vantagem, mas a distância entre eles e o chão também é muito menor.

É claro que até mesmo as crianças podem cair de cara no chão, e é por isso que ter um bom treinador pode significar a diferença em conseguir uma vitória em primeiro lugar quando se trata de competir profissionalmente. Então, quando um adorável menino e uma menina se deitam de costas no gelo, seria fácil supor que o treinador deles fez tudo de trás para frente! No entanto, este foi apenas um dos truques visuais geniais da performance de “Hallelujah”.

Para sua sorte, o menino e a pequena filmados neste vídeo foram treinados por ninguém menos que Ilya Izyaslavovich Averbukh, um patinador de gelo russo que ganhou uma medalha de prata olímpica em 2002 para apoiar a sua autoridade no assunto. Depois de Illya se reformar, ele decidiu treinar a próxima geração de dançarinos no gelo, e esses dois pequenos tornaram-se parte da “Equipa Ilya Averbukh”.

A coreografia é fundamental quando se trata de patinagem no gelo, e o painel de jurados esperou pacientemente para ver o que esta dupla adorável poderia fazer. Embora as crianças estejam a falar russo, há uma coisa que não precisa de tradução. Assim que o cover de “Hallelujah” de Rufus Wainwright começou a tocar, todos ficaram curiosos…

As duas pequenas estrelas começaram a empurrar uma à outra, lembrando a versão do filme de Shrek de “Hallelujah”, e os jurados ficaram realmente surpreendidos.

No entanto, não foi até o menino dar à menina um beijo surpresa na bochecha que todos ficaram de olhos presos neles. Com os braços a fluir no ar como cisnes, a sua coreografia graciosa parecia de ballet.

É claro que, apesar da tenra idade, os dois chegaram à final desta competição precisamente por causa das suas habilidades de patinagem no gelo. Esta dupla encantadora sabia como fazer a plateia aplaudir enquanto executavam saltos e giros perfeitamente coreografados.

Veja-os dançar no gelo numa versão doce do “Hallelujah” de Shrek no vídeo abaixo.

PARTILHE!